Arquivos da categoria: segundo

Top 10 melhores espumantes por menos de R$ 50

Grazi Massafera (Foto: Robert Astley-Sparke / Arquivo Glamour)Grazi Massafera (Foto: Robert Astley-Sparke / Arquivo Glamour)

O barulho efervescente das bolhas, o ritual de abrir uma garrafa, a taça fina, o servir gelado…  Tudo isso faz doespumante uma bebida especial, que remete à comemoração, além de evocar o clima alegre das festasde Natal e Ano Novo.

Pensando nisso, separamos alguns espumantes “aclamados pela crítica” e de preços acessíveis (até R$ 50!) para você comemorar muito. A dica é: beba em uma temperatura fresca, não muito gelada e também não na temperatura ambiente. O ideal é que estejam entre 4 e 6 °C.

Ah, e sabe aquela famosa confusão: “mas é champanhe ou é espumante?”. A gente explica! Por volta dos anos 1300 (aff, quanto tempo, não?) os primeiros espumantes começaram a ser produzidos na região de Champagne, na França. Com muito sucesso, diga-se de passagem. É por isso que espumantes de outras localidades são comumente chamados de champanhe. Mas isso está errado, viu? Somente as bebidas produzidas naquela região podem ser chamadas assim.

Agora chega de história, afinal, você quer beber, né? Ao ranking:

Casa Perini Moscatel (Foto: Divulgação)Casa Perini Moscatel (Foto: Divulgação)

1. Casa Perini Moscatel
Vamos começar com um vinho premiado! Produzido na Serra Gaúcha, ele ficou em 5º lugar no World Ranking of Wines & Spirits (Ranking Mundial de Vinhos & Destilados) de 2017. O espumante é produzido a partir da variedade de uvas Moscato, responsáveis pelo sabor leve e adocicado da bebida.
Preço médio: R$50,90

Garibaldi Chardonnay Brut (Foto: Divulgação)Garibaldi Chardonnay Brut (Foto: Divulgação)

2. Garibaldi Chardonnay Brut
Premiado também na França, esse espumante brasileiro é para quem gosta de vinhos mais secos, mas sem perder o frescor. As uvas Chardonnay conferem leveza ao vinho, tornando-o perfeito para o verão.
Preço médio: R$ 34

Marco Luigi Tributo Prosecco Brut (Foto: Divulgação)Marco Luigi Tributo Prosecco Brut (Foto: Divulgação)

3. Marco Luigi Tributo Prosecco Brut
À base de uvas Prosecco, de origem italiana, o espumante é fabricado aqui no Brasil (adivinha onde? No Rio Grande do Sul, claro!). Possui, segundo os especialistas, uma boa acidez e aroma de frutas como pêra, maçã-verde e pêssego.
Preço médio: R$ 42,80

Marcus James Espumante Brut (Foto: Divulgação)Marcus James Espumante Brut (Foto: Divulgação)

4. Marcus James Espumante Brut
Não é a primeira vez que um vinho Marcus James é citado no World Ranking of Wines & Spirits (esse foi eleito o 41º melhor vinho do mundo em 2017). Refrescante, com notas de frutas cítricas e tropicais, vai bem com canapés e antepastos, assim como massas e risotos.
Preço médio: R$29

Espumante Cava Don Roman Brut (Foto: Divulgação)Espumante Cava Don Roman Brut (Foto: Divulgação)

5. Espumante Cava Don Roman Brut
Originário da região da Catalunha, no nordeste espanhol, este espumante é feito com uvas específicas de lá, conhecidas pela qualidade inigualável. De acordo com o fabricante, a bebida tem “reflexos dourados”, ou seja: a cor da riqueza!
Quanto: R$36, no site Super Adega

Nero Celebration Brut (Foto: Divulgação)Nero Celebration Brut (Foto: Divulgação)

6. Nero Celebration Brut
Um mix de quatro uvas compõe esse distinto espumante muito bem avaliado pelos sommeliers (recentemente, ele também saiu no famigerado ranking de melhores vinhos do mundo). É um espumante delicado, com um toque cítrico.
Preço médio: R$47,90

Salton Prosecco Brut 2017 (Foto: Divulgação)Salton Prosecco Brut 2017 (Foto: Divulgação)

7. Salton Prosecco Brut 2017
Generoso na espuma, esse promete na hora de “estourar a champanhe”. Esse modelo faz parte da turma dos cítricos, mas também tem um aroma floral, percebido por quem tem olfato mais aguçado,e harmoniza bem com queijos suaves e frutos do mar. Ótimo para quem vai passar o Reveillón na praia.
Preço médio: R$ 45

Club des Sommeliers Brut Charmat (Foto: Divulgação)Club des Sommeliers Brut Charmat (Foto: Divulgação)

8. Club des Sommeliers Brut Charmat
Mais encorpado, é produzido pelo método charmat, que consiste em colocar o vinho já fermentado em tanques herméticos para uma segunda fermentação, que vai gerar as borbulhas e tirá-lo da categoria de vinho comum e classificá-lo como espumante.Bem mais chique, não?
Preço médio: R$ 29,75

Espumante Veuve D'Argent Rosé Brut (Foto: Divulgação)Espumante Veuve D’Argent Rosé Brut (Foto: Divulgação)

9. Espumante Veuve D’Argent Rosé Brut
Produzido na Borgonha, região da França muito famosa pelos seus vinhos, a bebida tem uma cor linda (cereja, de acordo com os produtores) e um aroma de frutas vermelhas. Indicado para aquela amiga que só gosta de bebidas mais docinhas!
Preço médio: R$ 41, 90

Vinho Moscatel Espumante Aurora (Foto: Divulgação)Vinho Moscatel Espumante Aurora (Foto: Divulgação)

10. Vinho Moscatel Espumante Aurora
Olha que legal, esse vinho também foi classificado como um dos melhores espumantes do mundo! Feito para paladares que gostam de um sabor mais adocicado (mais um!), ele combina com queijos de sabor mais forte, como o gorgonzola.
Preço médio: R$ 41,50

 

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo moda” target=”_blank” rel=”noopener”>Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Instagram: a pior rede social para a saúde mental entre os jovens?

Já é senso comum que as redes sociais podem afetar nosso humor, mas quando o assunto é o grau em que elas impactam nosso dia a dia, qual plataforma seria a “pior”? Segundo uma pesquisa feita no Reino Unido sobre a forma como certas redes sociais impactam em problemas de saúde e bem-estar como ansiedade, depressão, auto-identidade e imagem corporal, o Instagram ganha o título. Batizada de #StatusofMind, a pesquisa conversou com quase 1.500 jovens de 14 a 24 anos sobre o impacto das redes sociais nas suas vidas pessoais e públicas. O Instagram — seguido de Snapchat, Facebook e Twitter —  demonstraram ter uma influênia negativa no que diz respeito à saúde mental dos jovens, enquanto o YouTube foi a rede social com o impacto mais positivo. 


Os aplicativos baseados em imagens foram os que ranquearam pior na pesquisa, principalmente entre jovens do sexo feminino. “O Instagram faz com que jovens mulheres se comparem a versões irrealistas, filtradas e photoshopadas da realidade”, disse Matt Keracher, autor do relatório. Para Dora Sampaio Góes, psicóloga colaboradora do Grupo de Dependências Tecnológicas do Instituto de Psiquiatria do HC, o dado não surpreende. “São plataformas onde tudo é belo. Muitas garotas admiram as blogueiras de moda, que tem o corpo perfeito, roupas bonitas, vão aos lugares mais legais. O que muitas pessoas esquecem, e principalmente os jovens, é que aquela foto é um instante da vida da pessoa e não uma parte representativa de seu dia a dia”, comenta a especialista.

Instagram teria impacto negativo entre os jovens, principalmente as do sexo feminino (Foto: Freestocks)Instagram teria impacto negativo entre os jovens, principalmente as do sexo feminino (Foto: Freestocks)

Além de problemas relacionados à saúde mental como ansiedade e depressão, impactos na qualidade e tempo de sono é um dos sintomas de dependência tecnológica, segundo Dora. É o caso do Youtube, que, de acordo com a pesquisa, é uma das redes sociais que mais afeta as noites dos usuários. No entanto, a plataforma de vídeos foi a considerada pelos entrevistados como o aplicativo com impacto mais postivio em suas vidas. “O conteúdo no YouTube é menos “filtrado” e estático que no Instagram e Snapchat, ele é mais dinâmico e muitas vezes gera mais identificação”, explica Dora.


A pesquisa ainda concluiu que, enquanto o Instagram afeta negativamente a imagem do corpo, padrões de sono e criam uma sensação de “Fomo” – o “fear of missing out” ou medo de perder – o aplicativo se mostrou  positivo no quesito auto-expressão e auto-identidade para muitos dos usuários mais jovens. “Não podemos ignorar que as redes sociais são a nova forma de se comunicar, principalmente para o público que nasceu com o smartphone na mão. E existem conteúdos e pessoas interessantes ali”, diz Dora, que não acredita que banir as redes sociais completamente seja uma solução possível para o problema, seja para os jovens ou para os adultos que passam muito tempo nos aplicativos. 

Essena diz que o único motivo para ter ido à praia e tirado esta foto foi porque a marca de biquíni pagou para ela (Foto: Reprodução/Instagram)Essena O´Neill: a digital influencer que tinha mais de 700 mil seguidores deletou seu perfil e afirmou que seus posts “não eram vida real” (Reprodução Instagram)

Detox digital
Para enfrentar o problema, a Royal Society for Public Health pediu que as próprias redes sociais tomem medidas para ajudar a combater os sentimentos de inadequação e ansiedade dos usuários jovens, colocando um aviso sobre as imagens que foram manipuladas digitalmente. “Nós não estamos pedindo para essas plataformas para proibir a alteração de imagens ou filtros, mas sim para informar as pessoas quando as imagens foram alteradas para que os usuários não levem as imagens como reais”, disse Keracher. “Nós realmente queremos equipar os jovens com as ferramentas e o conhecimento para poder navegar nas plataformas de redes sociais, não apenas de forma positiva, mas de uma forma que promova a boa saúde mental”, acrescentou.


“É uma possível saída”, comenta Dora. “Mas é importante também, além de estabelecer limites para o tempo de uso dessas redes, diversificar os prazeres”. A psicóloga propõe trocar as horas passadas nas redes por outras atividades que envolvam algum tipo de convívio social, como esportes ou programas com os amigos. “Nenhuma rede consegue substituir o fato de estar com os outros de verdade”, argumenta. Os problemas clínicos mais comuns derivados do uso excessivo das redes, segundo a psicóloga, são, ironicamente, os que causam maior afastamento das interações sociais fora do mundo virtual como ansiedade, fobia social e depressão.


Para os pais que se preocupam com o uso excessivo de redes sociais pelos filhos, Dora diz que é necessário uma verificação do tipo de conteúdo que eles estão consumindo. “Apesar de existirem coisas interessantes nas redes, existem outros como a história do jogo Baleia Azul. É necessário que os pais venham se o que os filhos estão consumindo está de acordo com os valores que eles querem passar”.  Mas a real mudança de hábitos começa pelo próprio comportamento da família. “É importante ser o modelo. Vejo muitos pais proibírem os filhos de usarem os aplicativos mas ao mesmo tempo eles ficam no celular. É necessário um esforço coletivo”, finaliza.


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb SweetyusO Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Instagram: a pior rede social para a saúde mental entre os jovens?

Já é senso comum que as redes sociais podem afetar nosso humor, mas quando o assunto é o grau em que elas impactam nosso dia a dia, qual plataforma seria a “pior”? Segundo uma pesquisa feita no Reino Unido sobre a forma como certas redes sociais impactam em problemas de saúde e bem-estar como ansiedade, depressão, auto-identidade e imagem corporal, o Instagram ganha o título. Batizada de #StatusofMind, a pesquisa conversou com quase 1.500 jovens de 14 a 24 anos sobre o impacto das redes sociais nas suas vidas pessoais e públicas. O Instagram — seguido de Snapchat, Facebook e Twitter —  demonstraram ter uma influênia negativa no que diz respeito à saúde mental dos jovens, enquanto o YouTube foi a rede social com o impacto mais positivo. 


Os aplicativos baseados em imagens foram os que ranquearam pior na pesquisa, principalmente entre jovens do sexo feminino. “O Instagram faz com que jovens mulheres se comparem a versões irrealistas, filtradas e photoshopadas da realidade”, disse Matt Keracher, autor do relatório. Para Dora Sampaio Góes, psicóloga colaboradora do Grupo de Dependências Tecnológicas do Instituto de Psiquiatria do HC, o dado não surpreende. “São plataformas onde tudo é belo. Muitas garotas admiram as blogueiras de moda, que tem o corpo perfeito, roupas bonitas, vão aos lugares mais legais. O que muitas pessoas esquecem, e principalmente os jovens, é que aquela foto é um instante da vida da pessoa e não uma parte representativa de seu dia a dia”, comenta a especialista.

Instagram teria impacto negativo entre os jovens, principalmente as do sexo feminino (Foto: Freestocks)Instagram teria impacto negativo entre os jovens, principalmente as do sexo feminino (Foto: Freestocks)

Além de problemas relacionados à saúde mental como ansiedade e depressão, impactos na qualidade e tempo de sono é um dos sintomas de dependência tecnológica, segundo Dora. É o caso do Youtube, que, de acordo com a pesquisa, é uma das redes sociais que mais afeta as noites dos usuários. No entanto, a plataforma de vídeos foi a considerada pelos entrevistados como o aplicativo com impacto mais postivio em suas vidas. “O conteúdo no YouTube é menos “filtrado” e estático que no Instagram e Snapchat, ele é mais dinâmico e muitas vezes gera mais identificação”, explica Dora.


A pesquisa ainda concluiu que, enquanto o Instagram afeta negativamente a imagem do corpo, padrões de sono e criam uma sensação de “Fomo” – o “fear of missing out” ou medo de perder – o aplicativo se mostrou  positivo no quesito auto-expressão e auto-identidade para muitos dos usuários mais jovens. “Não podemos ignorar que as redes sociais são a nova forma de se comunicar, principalmente para o público que nasceu com o smartphone na mão. E existem conteúdos e pessoas interessantes ali”, diz Dora, que não acredita que banir as redes sociais completamente seja uma solução possível para o problema, seja para os jovens ou para os adultos que passam muito tempo nos aplicativos. 

Essena diz que o único motivo para ter ido à praia e tirado esta foto foi porque a marca de biquíni pagou para ela (Foto: Reprodução/Instagram)Essena O´Neill: a digital influencer que tinha mais de 700 mil seguidores deletou seu perfil e afirmou que seus posts “não eram vida real” (Reprodução Instagram)

Detox digital
Para enfrentar o problema, a Royal Society for Public Health pediu que as próprias redes sociais tomem medidas para ajudar a combater os sentimentos de inadequação e ansiedade dos usuários jovens, colocando um aviso sobre as imagens que foram manipuladas digitalmente. “Nós não estamos pedindo para essas plataformas para proibir a alteração de imagens ou filtros, mas sim para informar as pessoas quando as imagens foram alteradas para que os usuários não levem as imagens como reais”, disse Keracher. “Nós realmente queremos equipar os jovens com as ferramentas e o conhecimento para poder navegar nas plataformas de redes sociais, não apenas de forma positiva, mas de uma forma que promova a boa saúde mental”, acrescentou.


“É uma possível saída”, comenta Dora. “Mas é importante também, além de estabelecer limites para o tempo de uso dessas redes, diversificar os prazeres”. A psicóloga propõe trocar as horas passadas nas redes por outras atividades que envolvam algum tipo de convívio social, como esportes ou programas com os amigos. “Nenhuma rede consegue substituir o fato de estar com os outros de verdade”, argumenta. Os problemas clínicos mais comuns derivados do uso excessivo das redes, segundo a psicóloga, são, ironicamente, os que causam maior afastamento das interações sociais fora do mundo virtual como ansiedade, fobia social e depressão.


Para os pais que se preocupam com o uso excessivo de redes sociais pelos filhos, Dora diz que é necessário uma verificação do tipo de conteúdo que eles estão consumindo. “Apesar de existirem coisas interessantes nas redes, existem outros como a história do jogo Baleia Azul. É necessário que os pais venham se o que os filhos estão consumindo está de acordo com os valores que eles querem passar”.  Mas a real mudança de hábitos começa pelo próprio comportamento da família. “É importante ser o modelo. Vejo muitos pais proibírem os filhos de usarem os aplicativos mas ao mesmo tempo eles ficam no celular. É necessário um esforço coletivo”, finaliza.


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb SweetyusO Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Perennials: uma nova geração de mulheres

Vera Minelli (à esq..) com as filhas Gabriela Pugliesi e Marcella Minelli. Elas dividem roupas, acessórios, a turma de amigos e confidências íntimas (Foto: Autumn Sonnichsen)Vera Minelli (à esq..) com as filhas Gabriela Pugliesi e Marcella Minelli. Elas dividem roupas, acessórios, a turma de amigos e confidências íntimas (Foto: Autumn Sonnichsen)

No outono de 2013, Rosana Santos teve o estalo. Era fim de tarde e, sentada na varanda com uma taça de vinho tinto, ela forçava o olhar perdido na direção do verde da Serra da Cantareira (SP) – cena que se repetia dia sim, outro também, já havia cinco anos. Até que sentiu que não era o céu, e sim ela, que anoitecia. “Foi assim que caiu a ficha: eu não me conhecia mais, não me amava e muito menos vivia de fato”, lembra-se. Naquele dia, desviou o rosto da vista lá fora para olhar para dentro. Encarou a casa de 400 metros quadrados e a aliança de diamante no dedo. “Senti que estava presa numa gaiola de ouro.” Nove anos antes, aos 30, havia interrompido a carreira como executiva para embarcar no segundo casamento. O engenheiro bem-sucedido lhe prometera uma vida confortável, com casa longe do tumulto das grandes cidades, ajuda financeira para liberá-la do estresse do mercado corporativo e tudo do bom e do melhor aos filhos – Guilherme (hoje com 15 anos), do casamento anterior, e o bebê que planejavam juntos. Rosana vibrou. Aposentou as ambições e preencheu o tempo com aulas de ioga. Pensava: “Quem sabe não alcanço a iluminação?”.


+ Ranking Oficial das Melhores Agencias de Modelos do Brasil


O caçula Lucca, 8, veio logo. E tudo seguiu em uma toada morna e confortável até que passou a fazer efeito o autoconhecimento que a ioga promete. Veio o clique. “Repensei meu protagonismo na vida.” Hoje, aos 43 e recém-separada, Rosana está de malas prontas para uma temporada de imersão em ashtanga ioga sozinha em Tulum, no México. Quer se formar professora e começar um novo capítulo: quando voltar ao Brasil, cada filho ficará com seu respectivo pai, pelo menos até ela reestruturar a vida financeira e decidir sua rotina. “Parece coisa de menina de 20 anos botar a mochila nas costas e sair por aí. Tem muita gente que me diz isso, escandalizada”, conta. “Mas é claro que também morri de medo. Pensei tantas vezes: ‘Como vou recomeçar?’. Aí entendi: é impossível sair do zero na metade do caminho. Nunca me senti tão pronta para ser feliz.”


Rosana não está sozinha, tampouco é exceção. Ela é, na verdade, o exemplo de uma geração que impulsiona uma nova tendência de lifestyle, a ageless – ao pé da letra, “sem idade”. Neste ano, a SuperHuman, uma produtora de Londres especializada em conteúdo feminino, mensurou o que já é muito vivido na prática: mais que nunca, entre as mulheres, tornou-se obsoleto o conceito de meia-idade. Foram entrevistadas mais de 500 mulheres acima de 40 anos no Reino Unido, e os resultados mostraram que dois terços delas acreditam estar no auge da vida, enquanto 67% se sentem mais confiantes do que há dez anos e 84% acreditam que não podem ser definidas pela idade. “Ter passado dos 40, hoje, é muito diferente do que 15 anos atrás [90% das entrevistadas nos disseram que têm estilo e atitude muito mais jovens do que tinham suas mães]. Essas mulheres têm sede de experiências tanto quanto as millennials”, afirma Sandra Peat, cofundadora da SuperHuman, em entrevista.

Rosana deixou o casamento e os filhos com os pais para estudar ioga no México (Foto: Autumn Sonnichsen)Rosana deixou o casamento e os filhos com os pais para estudar ioga no México (Foto: Autumn Sonnichsen)

É essa sensação de confiança e autoconhecimento que dá o tom do comportamento dessa geração. Assim como os especialistas nomearam de millennial certas características da geração Y (nascidos entre 1982 e 2000), quem nutre um estilo de vida ageless é chamado perennial (de perene) – termo criado pela empreendedora de tecnologia Gina Pell na revista Fast Company, no fim do ano passado, e que rapidamente “pegou”: os jornais The Telegraph e El País já dedicaram páginas ao assunto. Segundo Gina, perennial é uma pessoa que cultiva um estilo de vida que harmoniza hábitos e gostos de diversas idades. Um movimento que não se baseia em noção cronológica, mas em identidade social. “E quem puxa a fila são as mulheres acima dos 40. Quando chegam a essa idade, alcançam um grau de maturidade em que a aprovação dos outros deixa de ser imprescindível. Elas ficam mais leves, mais donas de si e bancam suas escolhas, mesmo que discordem da maioria”, diz a antropóloga carioca Hilaine Yaccoub.


+ Veja as melhores agencias de modelos do Brasil


Na contramão do envelhecimento O pensamento atemporal dos perennials se reflete em seus hábitos de consumo e, claro, na aparência. É algo que vai além do guarda-roupa, da pele viçosa ou do restaurante que frequentam. Entre mulheres de 20 e de 50, também se cruzam hashtags, assuntos, profissões, jeitos de falar e formas de se relacionar. Perita nisso, a vendedora baiana Vera Minelli, 53 anos, já estava acostumada a ser confundida com as filhas bem antes de a família ganhar fama nas redes sociais. Em 2012, quando a primogênita, Gabriela Pugliesi, estourou na web, em posts sobre sua rotina fitness, Vera pegou carona. Incluiu musculação e exercícios aeróbicos na rotina, cortou o açúcar e começou a registrar seu dia a dia no Instagram (já são quase 200 mil seguidores). “Fui mãe cedo: aos 26, já tinha as três [além de Gabriela, Ornella e Marcella]. Dei a elas a melhor infância. Hoje, curto a minha fase. Vou pra balada, não quero namorar, tenho um monte de amigos – a maioria mais nova, muitos da turma da Gabi”, conta.

Renata, que só trabalha em projetos em que acredita (Foto: Autumn Sonnichsen)Renata, que só trabalha em projetos em que acredita (Foto: Autumn Sonnichsen)

A relação com as filhas é o oposto do que tinha com sua mãe, que, aos 40, parecia uma idosa aos olhos de Vera. Ela e seus “doces”, como chama as meninas, frequentam os mesmos lugares e turmas, dividem roupas e acessórios, têm rotinas parecidas e mantêm um grupo de Whats­App no qual falam de tudo – mesmo. “Às vezes, preciso pedir pra Gabriela maneirar nos detalhes íntimos: ‘Menos, Gabi, menos! Sou sua mãe’. Acho que até ela esquece disso”, ri. Vera cultiva uma alimentação restrita, malha duas horas por dia e dorme às 21h30 durante a semana. Trabalha meio período na De Goeye, marca de Fernanda de Goeye, entre 11h e 17h, e aumenta a renda com posts patrocinados e parcerias com grifes. “Quero chegar à velhice com saúde. Tudo que faço é pelo meu bem-estar.” Mesmo com sessões de laser e tratamentos corporais em dia, faz questão de não exagerar e manter na pele os sinais de expressão. “Não quero aparentar o que não sou nem esconder quantos anos tenho.”


Do escritório à economia colaborativa Uma das características mais emblemáticas da geração millennial é valorizar mais o propósito do trabalho do que a estabilidade do emprego – não raro, costumam ficar pouco tempo no mesmo lugar. Foi exatamente esse o motivo que fez a relações-públicas Renata Alamy mudar de vida. Aos 41 anos, deixou o trabalho em escritório e o marido em Belo Horizonte (os dois continuam juntos, no entanto) em troca de uma aposta incerta, mas que está trazendo muita satisfação. Mudou-se para São Paulo para organizar o crowdfunding de um projeto do empresário da noite Facundo Guerra, sabendo que tudo poderia – e ainda pode – dar errado. Trabalhar com economia colaborativa é apenas uma consequência de vida. Aos 30, depois de uma temporada de trabalho em Londres, havia acumulado capital suficiente para tirar um ano sabático. Na semana seguinte ao retorno a Minas, seu apartamento foi assaltado e levaram todo o dinheiro. “Chorei muito. Mas no dia seguinte já montei uma loja na internet. Pus à venda roupas e sapatos” – isso numa época em que os e-commerces engatinhavam.


De 400 compradores virtuais, sua cartela de clientes foi para 8 mil quando inaugurou a loja física. Mas a inexperiência com a administração do negócio a levou à falência pessoal em 2012. De novo, bateu a poeira e se levantou. Mergulhou nos estudos da nova economia, tornou-se anfitriã-referência do Airbnb – inclusive convidada a palestrar nos eventos da empresa, na Califórnia – e abriu o leque de serviços: começou a vender a expertise e o olhar atento para tendências. Quando tudo caminhava às maravilhas, com um café-coworking recém-aberto em Belo Horizonte, pintou o convite de Guerra para ajudar a angariar fundos e inaugurar um cinema no Mirante 9 de Julho, em São Paulo. O retorno financeiro só virá se o projeto virar. Ela nem titubeou. “Sinto que hoje desproblematizo a vida. Com a idade, adquiri leveza. Não tento me encaixar nas expectativas dos outros nem em padrões. Tenho um casamento livre, um trabalho em aberto. Não quero gerar filhos nem ter uma carreira hermética. Fujo das certezas da meia-­idade porque sei que, se der errado, recomeço. Tenho tempo e pique!”


A falta de interesse em se moldar às expectativas da idade é outra constante entre as
perennials. E ela vem acompanhada da falta de identificação com os clichês que a publicidade costuma explorar. Gal Barradas, CEO e sócia de uma das principais agências de publicidade do país, a BETC/Havas, e ela mesma uma perennial, explica que é essa variedade de pensamentos e perfis que faz nascer conceitos atrasados de campanhas de marketing que não conversam com espectadores ageless. “O mercado publicitário às vezes ainda se mostra inseguro para retratar perfis sem apelar para estereótipos.” Para o psicanalista Christian Dunker, professor do Instituto de Psicologia da USP e autor de Rein­venção da Intimidade (Ubu Editora, 320 págs., R$ 54), as perennials deveriam ser chamadas de agefull (cheias de idade). “Elas estão cientes da idade e reinventam a vida”, diz.

A escritora paulistana Marina Moraes (à dir.) com as filhas Manuela e Laura. Ela se separou, mudou de cidade e de profissão (Foto: Autumn Sonnichsen)A escritora paulistana Marina Moraes (à dir.) com as filhas Manuela e Laura. Ela se separou, mudou de cidade e de profissão (Foto: Autumn Sonnichsen)

Foi o que fez a escritora paulistana Marina Moraes, 57, há nove anos. Estava no terceiro casamento e trabalhava como diretora de comunicação em uma agência de publicidade, mas se sentia infeliz. Ao olhar para si mesma, percebeu que já tinha vivência, coragem e força para dar uma virada. Separou-se, pediu demissão, mudou-se para o Rio de Janeiro, voltou para São Paulo. “A sensação de ver sentido na vida é a melhor do mundo. É uma escolha sem volta pegar as rédeas da própria história.”


Hoje, faz algo inédito: está escrevendo um roteiro de cinema. Trabalha em casa, tem controle sobre os horários e reserva tempo para os amigos, alguns da geração de suas filhas, Luísa, de 29, Manuela, de 27, e Laura, de 19. Sempre que dá, publica crônicas em sua página do Facebook, a maioria autobiográfica. Em 2016, elas se tornaram um livro, Água para as Visitas (Editora Realejo, 173 págs., R$ 55). Há três anos, reencontrou o namorado da adolescência, um uruguaio que sempre viveu de forma muito livre. “Ele continua o mesmo, por isso estamos juntos”, diz. “Eu é que me encontrei. Minha experiência de vida me devolveu ao meu devido espaço, sem a necessidade de que essa constatação venha dos outros. Estou no lugar de onde nunca mais quero sair.”


 


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb SweetyusO Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  moda” target=”_blank”>Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Pernas perfeitas: especialistas indicam exercícios físicos, tratamentos estéticos e mais cuidados

Conheça os melhores exercícios físicos para as pernas, tratamentos estéticos e cuidados essenciais (Foto: Thinkstock)Conheça os melhores exercícios físicos para as pernas, tratamentos estéticos e cuidados essenciais (Foto: Thinkstock)

O desejo de muitas mulheres é conquistar pernas tonificadas, hidratadas e livre de incômodos como celulites e pelos encravados. No verão, a preocupação é ainda maior, já que se usa mais vestido, saia e peças de beachwear que deixam as pernas em evidências. Por isso, consultamos vários especialias que indicam exercícios físicos, tratamentos estéticos e cuidados essenciais para esta parte do corpo. Tome note já e conquiste pernas perfeitas para o verão!


+Conheça as melhores agencias de modelos do Brasil


EXERCÍCIOS FÍSICOS
Rodrigo Sangion, personal trainer e proprietário da academia Les Cinq Gym, em São Paulo, garante que o agachamento é o exercício mais completo da sala de musculação para as pernas. “Trabalha quadríceps, posterior de coxas e também glúteo – é inclusive um dos exercícios mais eficazes para glúteo”, explica. Entre suas sugestões estão o agachamento comum, o agachamento com barra livre e o agachamento sumo (foto abaixo à esquerda), que pode ser feito com ou sem step. “Cada perna fica posicionada num step e você faz o agachamento segurando um peso na frente. É bom porque trabalha bastante interno e posterior de coxas.”

Agachamento sumo (à esquerda) e avanço andando (Foto: Divulgação)Agachamento sumo (à esquerda) e avanço andando (Foto: Divulgação)

Sangion indica também o step up (fotos abaixo), em que você posiciona uma perna numa plataforma, agacha com a outra e depois sobe. “Outro que eu gosto é o avanço andando (foto acima à direita), em que você pisa uma perna na frente, agacha e repete andando. O fato de fazer andando gera um gasto calórico maior.” Para a panturrilha, a flexão plantar é o mais indciado. “Você faz em pé, subindo e descendo na ponta do pé.”

O exercício step up (Foto: Divulgação)O exercício step up (Foto: Divulgação)

De exercício aeróbico, ele indica a escada. “Além de fortalecer posterior de coxas e glúteos, gera um gasto calórico muito grande. Mas caso a pessoa tenha problema de joelho, indico o transport que tem menos impacto.”


Mas se você prefere fazer aulas, o personal trainer diz que o ballet fitness é muito bom para trabalhar pernas e glúteos, assim como o muay thai, que virou uma febre entre as mulheres. “O chute gera um estímulo no músculo que causa uma tonificação maior na musculatura dos membros inferiores.” A Les Cinq Gym tem uma aula exclusiva que chama QZone, em que a pessoa faz exercícios em vários estanões: esteira, remo, caixa de salto, step etc, unindo trabalho muscular e aeróbico para as pernas – e para o corpo todo! Devido a alta intensidade, a aula proporciona alto gasto calórico. Em média, são queimadas de 1200 a 1400 calorias numa sessão e o gasto calórico continua até 36 horas depois.


TRATAMENTOS ESTÉTICOS
LEG SLIM 360º
A esteticista Flavia Medeiros, criadora do método Magic Touch Detox, criou o Leg Slim 360º, um tratamento com 100% de foco nas necessidades das pernas que já caiu no gosto de Sabrina Sato e Vera Viel. “A técnica é a junção de ativos cosméticos revolucionários que drenam o líquido excedente, melhoram a circulação das pernas e facilitam a comunicação celular, além da máquina Leg Slim e a radiofrequência”, explica.


A profissional diz que o tratamento não é igual para todas. “Cada mulher, após uma minuciosa consulta, recebe a programação do seu Leg Slim 360º, que trata em uma única sessão celulite, gordura de culote e joelhos, flacidez e melhora do contorno das pernas em 360º.” Flavia indica fazer o Leg Slim 360º no máximo duas vezez por semana. “Em uma única sessão já é possível perceber os resultados, porém são indicados ao todo 10 sessões.”


LEGACY
Sucesso na clínica da Dra. Cristiane Coelho entre modelos como Isabeli Fontana, Fernanda Motta e Renata Kuerten, o Legacy é um aparelho de última geração que trata áreas com gordura localizada resistente, flacidez e celulite, incluindo as pernas.


Andressa Kilsa, fisioterapeuta da clínica, explica que a tecnologia causa um aquecimento dos tecidos que promove uma reação térmica. “Isso gera uma regeneração dos tecidos, um aumento da circulação sanguínea do local e a ativação da produção de fibroblastos. O resultado é uma pele mais firme, lisa e uma notável redução de medidas.” O bom é que o Legacy não é invasivo, é indolor e a sensação se assemelha a uma agradável massagem, segundo a especialista. A sessão dura 30 minutos, deve ser feita uma vez por semana e o indicado são 6 sessões. “Mas, dependendo do tipo de corpo e paciente, é possível sentir diferença já na terceira sessão.”


CUIDADOS ESSENCIAIS


DEPILAÇÃO

O tipo de depilação mais indicado para as pernas vai depender de pele e da quantidade de pelos de cada mulher, segundo Damiê De Villa, dermatologista do Kurotel – Centro Médico e Spa de Longevidade de Gramado (RS). “Quem tem pelos finos e pouco quantidade, a depilação com lâmina pode ser a mais indicada. Já se a pele não for muito sensível, a cera pode ser uma boa opção. Para quem quer ficar sempre sem pelos, a depilação permanente a laser/luz intensa pulsada é ideal. É importante consultar com um dermatologista antes de fazê-la e realizá-la com um profissional habilitado”, explica. A remoção de pelos a laser é inclusive uma boa opção para quem sofre com pelos encravados.


HIDRATAÇAO
Para ter uma pele lisinha não basta só fazer depilação, a hidratação também é fundamental para deixá-la macia. O dermatologista diz que é importante hidratar todos os dias, principalmente em dias frios e secos. Por isso, abuse de hidrantes e e óleos! Aproveite também para fazer uma massagem em casa ao usar o produto. “A estimulação da pele ativa a circulação e ajuda a diminuir o edema (inchaço) no local.”


Sobre os cremes redutores de medida e celulite, o especialista diz que geralmente esses produtos contêm ativos termogênicos que auxiliam no aumento do gasto energético localmente. “Eles podem ser colaborar no tratamento, mas sozinhos não têm o efeito esperado.”


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb SweetyusO Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  moda” target=”_blank”>Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Salários de elenco de Game of Thrones são revelados e não há diferença entre homens e mulheres

Emilia Clarke e Kit Harrington (Foto: Reprodução/HBO)Emilia Clarke e Kit Harrington (Foto: Reprodução/HBO)

Enquanto Jon Snow, Cersei e Daenearys se preparam para a batalha final de Game of Thrones, fora das telas, o elenco da série parece estar se dando muito bem financeiramente. 


Segundo a revista Variety, Kit Harrington, Emilia Clarke e Lena Headey estão levando, cada um, 500 mil dólares por episódio da série. Peter Dinklage (Tyrion Lannister) e Nikolaj Coster-Waldau (Jamie Lannister), apesar de menos proeminentes nessa temporada, também têm o mesmo salário de seus colegas. A notícia boa: não há diferença de salário entre homens e mulheres, característica recorrente em Hollywood. 


A lista da Variey ainda inclui salários de outros grandes personagems da televisão. Kevin Spacey, por exemplo, leva também 500 mil dólares por episódio de House of Cards. Já Claire Danes embolsa 450 mil por cada capítulo de Homeland. No topo da lista está Robert DeNiro, que vai levar 775 mil dólares por cada aparição em sua nova série produzida pela Amazon (ainda sem título) e dirigida por David. o. Russell. 


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb SweetyusO Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  moda” target=”_blank”>Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Sobreposições em tons pastel e seda são a tendência dos primeiros dias da Semana de Moda de Milão

Desfile da Alberta Ferretti, em Milão (Foto: Getty)Desfile da Alberta Ferretti, em Milão (Foto: Getty)

A Semana de Moda de Milão apenas começou ontem mas uma grande tendência já despontou dos primeiros desfiles da temporada italiana: as sobreposições com transparências em tons pastel. Max Mara, Alberta Ferretti e Fendi – que desfilaram nesta quinta-feira —  foram três das grandes marcas que apostaram no layering de tons lavados. Cada uma à sua maneira, as três grandes labels italianas formataram à tendência conforme sua identidade.

Fendi com listras e transparências (Foto: Imaxtree)Fendi com listras e transparências (Foto: Imaxtree)

Na linha do millenial pink – o rosa pastel que dominou não só a moda como decoração e arquitetura – outros tons são traduzidos segundo a onda das cores claras e lavadas como azul, bege e amarelo.


A Fendi – que já vinha introduzindo o jogo de sobreposições desde o último verão – aposta de novo no truque, desta vez com bastante organza, deixando as peças com um pouco mais de estrutura. Na passarela, o que chamou a atenção foi o jogo de camadas com listras, criando um efeito ótico interessante. Sobrepondo diversas peças, a transparência quase não se vê e as cores chegam próximo de um opaco.

Max Mara (Foto: Imaxtree)Max Mara (Foto: Imaxtree)

Na Max Mara a sobreposição veio mais fluida, com bastante com seda (mas também um pouco em organza). Uma marca com identidade mais sóbria, as sobreposições desfiladas eram em sua maioria mais neutras, sem estampas em cores como bege , pretos e brancos. No fim, no entanto, um pouco mais de cor apareceu com peças com estampas florais, como pede a estação.


Na Alberta Ferretti, a seda também permeou a coleção. O que chamou a atenção dos olhos da Marie Claire foram as transparências com brilho, deixando a delicada fibra um pouco mais marcante.

Alberta Ferretti (Foto: Imaxtree)Alberta Ferretti (Foto: Imaxtree)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Angelina Jolie e Gwyneth Paltrow acusam diretor de assédio sexual

Angelina Jolie (Foto: Getty Images)

Quando Gwyneth Paltrow tinha 22 anos de idade conseguiu o papel que a tornou em uma grande estrela do cinema. Ela havia sido chamada pelo produtor Harvey Weinstein para fazer uma personagem no filme “Emma”. Mas antes das gravações começarem, o diretor a convidou para uma reunião em um quarto de hotel. Foi lá que ele a assediou.

“Eu era uma criança, estava contratada, fiquei petrificada”, disse ao “New York Times” sobre o homem que alavancou sua carreira no cinema e a ajudou a ganhar um Oscar.

Gwyneth contou ter resistido às investidas de Weinstein e revelou o assédio a Brad Pitt, seu namorado à época. Ele teria confrontado o diretor. “Pensei que seria demitida”, lembrou.

Uma investigação do “New York Times” revelou na semana passada que havia vários casos de assédio sexual contra Weinstein encobertos. Muitos envolviam antigas funcionárias que trabalharam com ele nos últimos 30 anos.

Angelina Jolie foi uma das vítimas. “Tive uma péssima experiência com Weinstein na juventude e como resultado decidi nunca mais trabalhar com ele, e alertei outras sobre isso”, contou. “Seu comportamento a respeito das mulheres em qualquer esfera ou país é inaceitável”. Segundo a atriz, o diretor a assediou sexualmente em 1990 durante o lançamento do filme “Corações Apaixonados”.

Em um comunicado na terça-feira, sua representante, Sallie Hofmeister, negou as acusações. “Qualquer alegação de sexo não consensual são inevocavelmente negadas por Weinstein. Ele confirmou que não houve nenhum ato de retaliação contra nenhuma das mulheres após elas recusarem suas investidas”.

Além de Angelina e Gwineth, outras famosas como Rosanna Arquette, Tomi-Ann Roberts, Katherine Kendall, Judith Godrèche e Dawn Dunning também fizeram acusações do mesmo tipo.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  moda” target=”_blank” title=”Caderno de Moda Folha de São Paulo”>Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Direto dos bastidores do desfile da Dior: olhos dramáticos express

O make do desfile de verão 2018 da Dior (Foto: Vincent Lappartient para Christian Dior Parfums)

Receita de Peter Philips, maquiador e diretor de criação da Dior, para fazer um olho tudo-boca nada muito simples: tenha um lápis cremoso e uma máscara de cílios potente em mãos!

O make criado para o último desfile da marca na semana de moda de Paris tinha uma pegada 60’s, mas nada caricata. Segundo Philips, a intenção era deixar o olhar expressivo de forma despretensiosa, como se as modelos tivessem feito a sua própria maquiagem.

Para copiar, prepare a pele de forma impecável, adicione um toque discreto de blush e capriche na máscara. O maquiador aplicou seis camadas (!) da nova Diorshow Pump n’ Volume para que os cílios ficassem mais grossos da raiz às pontas. Para fazer o acabamento imperfeito, lápis preto na linha d’água dos olhos e voilà!

Foi usada a máscara Diorshow Pump n' Volume para conquistar supercílios (Foto: Vincent Lappartient para Christian Dior Parfums)
Para cílios de impacto, o maquiador da Dior aplicou 6 camadas de máscara (Foto: Vincent Lappartient para Christian Dior Parfums)
Os cílios foram destaque na maquiagem da Dior (Foto: Vincent Lappartient para Christian Dior Parfums)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Bárbara Evans diz que gosta de ser comparada à mãe: “Uma honra”

Filha de Monique Evans, que fez muito sucesso como modelo nos anos 80, Bárbara Evans, de 26 anos, cresceu em meio aos holofotes. Hoje, também trabalha modelando e as comparações físicas com a sua mãe são inevitáveis. Mas isso não a incomoda. “Muito pelo contrário!’, diz a modelo. “É um honra ser comparada a uma mulher tão maravilhosa quanto a minha mãe, mas somos pessoas muito diferentes.”

Além de modelar e fazer presenças VIP, Bárbara entrou para o mundo da TV e fez seu primeiro trabalho como atriz em janeiro deste ano na minissérie “Dois Irmãos”, em que interpretou a namorada do personagem de Cauã Reymond. Depois da atuação, ela conta que fez testes e recebeu um convite para um filme, mas ainda está avaliando a proposta. “Fiz 2 cursos de teatro e quero fazer mais papéis, mas sem deixar os outros trabalhos de lado.”

CORPÃO Bárbara é sempre muito elogiada pela sua boa forma, principalmente nas redes sociais, em que posta cliques de biquíni exibindo o shape. O segredo, segundo a modelo, é ter uma alimentação saudável. “Isso não é um problema para mim porque gosto de comer saudável. Como tudo sem óleo, sem gordura e evito carboidrato. Também não sou muito fã de doces. Mas, claro, tenho dias que como o que tenho vontade.” A malhação completa seus cuidados com o corpo. “Me exercito 4 vezes por semana. Me faz bem”.

Bárbara Evans quer continuar a trabalhar como atriz (Foto: RL ASSESSORIA)

RECÉM-SOLTEIRA Bárbara terminou o relacionamento com o deputado federal pelo PSD/TO Irajá Abreu, de 34 anos, recentemente. O motivo? “Distância e agendas”, comenta. Agora, Bárbara garante que está solteira. “Solteira, saindo, mas focada no meu trabalho!”

E o que um pretedente precisa ter para atrair a atenção de Bárbara? “Cada homem tem seus defeitos e qualidades, então não sou muito de rotular o que precisa, pois às vezes ele pode não ter, mas substituir com outra qualidade”.

Segundo a modelo, que já teve namoros de longa data, o segredo para um relacionamento duradouro é a confiança e companheirismo. “É essencial. Sempre digo: ‘Meu melhor amigo é o meu amor’. Num relacionamento é importante ter abertura, união e não dar importância a pequenas coisas.”

"Distância e agendas", diz Bárbara sobre o motivo do término do namoro com deputado (Foto: RL ASSESSORIA)
Bárbara Evans e o deputado Irajá Abreu (Foto: Reprodução/Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda  moda” target=”_blank” title=”Caderno de Moda Folha de São Paulo”>Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model